espacos-de-conveniencia-em-condominios-vieram-para-ficar

Espaços de conveniência em condomínios vieram para ficar

espacos-de-conveniencia-em-condominios-vieram-para-ficar

Uma tendência para os condomínios que a pandemia do coronavírus só acelerou foi os espaços de conveniência nos condomínios. Além de valorizarem o empreendimento, facilitam e agilizam a vida dos moradores sem que eles precisem sair para fazer atividades rotineiras como ir ao mercado, salão de beleza, açougue, frutaria, pet shop, entre diversas outras atividades.

Essa tendência veio para ficar devido ao grande crescimento das cidades e rotina cada vez mais corrida das pessoas. Todos buscam soluções que simplifiquem a vida e ofereçam comodidade para o dia a dia, sem precisar sair dos condomínios. Empreendimentos mais modernos já estão sendo pensados com esses espaços, uma vez que não se limitam apenas a oferecer bem-estar nas áreas compartilhada. Querem inovações que façam a diferença na vida dos moradores.

Pietro Favarim, corretor de vendas da Baggio Imóveis

Para Pietro Favarim, corretor de vendas da Baggio Imóveis, esse movimento já vem acontecendo há algum tempo. Principalmente nos condomínios mais novos e homes clube. As novas incorporações já incluíram esses espaços, mas os condomínios que já existem estão sendo adaptados para acomodar essa nova tendência. “Nem sempre o serviço de conveniência precisa ficar em um espaço físico fixo. Muitas vezes são vans, ou espaços rotativos que procuram atender as necessidades dos moradores”, explica.

Startups de olho nesse nicho

Algumas startups estão investindo nesse segmento de espaços de conveniência em condomínios principalmente a de mercados, como a Honest Market Market4u e a Onii, que já estão em Curitiba.  A maioria dos serviços são baseados na confiança, ou seja, os moradores pegam os produtos que desejam, passam na máquina e pagam com cartão. Alguns espaços precisam de um pré-cadastro, como por exemplo o de bebidas alcoólicas

Favarim explica também que em alguns condomínios já existe a conveniência móvel, com agendamento prévio, instala-se no condomínio uma van, por exemplo, e atende os moradores. “Essa modalidade é interessante porque pode atender diversos tipos de empresas e oferecer maior variedade de opções para os moradores”, ressalta.

Elisa Dedavid, assessora de marketing da Cibraco imóveis

A assessora de marketing da Cibraco Imóveis, Elisa Dedavid, corrobora com a opinião de Favarim que a pandemia só acelerou esse processo, e agora as pessoas já se acostumaram com esta facilidade.

“Eu mesma, moro ao lado de dois mercados e mesmo assim uso a loja de conveniência do condomínio. Acredito que 90% dos moradores usam e gostam”, avalia.

Ela ressalta ainda que em novos empreendimentos, todos os condomínios clube estão apostando nesses espaços, além de ser um atrativo muito forte para locação e compra/venda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *